Nada Básica


Odeio o comum. Acho chato.

O mundo é tão divertido e diversificado para se ficar presa a padrões...
Só que o diferente causa impacto, positivo e negativo, como tudo na vida. 

As pessoas estão acostumadas a se camuflarem atrás de um padrão comum, onde ninguém aparece muito e assim não tem que dar muitas explicações...

Confesso que eu também já fiz parte dessa turma. Tentei me encaixar nesse molde, para me sentir pertencente ao grupo, mas essa não sou eu.

Não que eu seja mega extrovertida, ao contrario, sou super tímida e não gosto de ser o centro das atenções. Eu sei, é um paradoxo! Mas pra mim, a maneira de me vestir é um jeito de me expressar, de soltar a criatividade. É terapêutico!

Acredito que todo mundo devia dar uma espiadinha fora da sua zona de conforto de vez em quando. Seja na maneira de se vestir ou nos lugares que frequenta. 

Experimentar uma cor nova, um detalhe no visual - uma echarpe, um colar, um brinco grande, um sapato alto - tudo ao mesmo tempo se te fizer feliz!

Dá pra sentir o efeito dessas pequenas mudanças na sua autoconfiança. Claro que você tem que continuar a se ver por trás, não é pra ficar com a cara da vizinha! Mas é um exercício, e como tal, deve ser praticado várias vezes até virar um hábito e deixar de ser desconfortável e difícil.

A moda está tão democrática!


Arrisque-se!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ah, já vai? Então deixe seu email pra receber as novidades!

Estilo

Inspirações

Dicas e Truques